Esta Chegando o Natal - Jo 1.1-14

Estamos no tempo em que esperamos o retorno de Jesus nosso salvador. Nesta época, nós nos reunimos para celebrar o nascimento de Jesus. Natal é, entre muitas coisas, uma ocasião para colocarmos em evidencia o mistério de Deus se fazendo homem e tomando seu lugar entre nós, conforme a Palavras do Evangelho de João: "E o Verbo (Palavra) se fez carne e habitou entre nós" (1.14). Ao longo dos tempos, chamaram isto de "a doutrina da Encarnação". Esta doutrina sempre foi um pouco controversa, porque sempre houve céticos que têm problemas com um Deus que se torna um ser humano, de carne e osso, como nós.

Entre outras doutrinas na vida da igreja, observo que as pessoas não são convencidas sobre a verdade da Encarnação através do debate; mas, em geral, elas se convencem mais facilmente escutando uma história.

Em falar de história ouvi essa estória que compartilho com vocês.

Um certo rei era muito rico. O seu poder era conhecido em todo o mundo. Mas ele era muito infeliz, porque não possuía uma esposa. Sem uma rainha, o imenso palácio ficava vazio. Um dia, enquanto cavalgava pelas ruas de uma pequena aldeia, viu uma menina camponesa muito bonita. Tão adorável lhe pareceu ela que o coração do rei se apaixonou à primeira vista. Por isso, a quis mais que qualquer coisa que já tinha desejado. Nos dias subseqüentes, ele passaria em frente à casa dela apenas na esperança de avistá-la outra vez.

O rei começou a fazer planos para conquistar o amor dela. Ele pensou: eu prepararei um decreto real e exigirei que ela seja trazida a mim para se tornar a rainha de minha terra. Mas, pensando melhor, ele percebeu que, sendo ela uma súdita, se sentiria forçada a obedecer. Assim, ele nunca poderia estar certo de que tinha conquistado o amor dela.

Então, ele disse a si mesmo: "Eu vou chamá-la pessoalmente. Vestirei o meu melhor traje real, usarei meus anéis de diamante, minha espada prateada, minhas reluzentes botas pretas e minha túnica mais colorida. Farei com que caia aos meus pés e se torne minha noiva". Mas, ponderando nestas coisas, chegou à conclusão que, se fizesse isso, nunca saberia se ela realmente tinha se casado com ele por amor ou por causa do poder e das riquezas que ele lhe poderia dar.

Então, ele decidiu vestir-se como um camponês, dirigir-se ao vilarejo, deixando, contudo, a sua carruagem fora de vista. Em disfarce, ele se aproximaria da casa dela. Mas, de alguma maneira a duplicidade deste plano não lhe agradou.

Afinal, ele decidiu o que fazer: Ele deixaria seu trono real. Ele iria para a aldeia e se tornaria um dos camponeses. Ele trabalharia e sofreria com eles. Ele se tornaria um camponês de fato. E foi isto que ele fez. Assim conquistou a sua esposa.

Esta estória demonstra como Deus agiu, Ele poderia ganhar a humanidade usando Seu poder e força (..) imaginem Sua autoridade. Mas Ele queria mais do que a nossa obediência, Ele queria o nosso coração. Por isso, Deus, em Cristo, se tornou um de nós.

Resumindo, assim foi com Jesus, verdadeiro Deus, Criador de céu e terra, pleno de poder divino e sabedoria e liberdade; No entanto, por amor, ele escolheu ser um de nós, um ser palpável, um ser humano ao vivo; experimentando tudo o que nós experimentamos; caminhando conosco em nossos caminhos.

Esta é a mensagem do Natal: que Deus se tornou um de nós por amor, para nos atrair para a família dele; nos reivindicar como seu povo, vivendo entre nós e nos mostrando como viver em amor a ele, ao nosso próximo.

Feliz Nata!

É nosso desejo para todos/as.

 

Com Estimas

Rev. Claudio e Revda. Marisete

Pastores na IM em Tucuruvi

Celebrações aos Domingos, às 9h e às 19h

Rua Ausônia, 310, Tucuruvi, São Paulo/SP

(11) 2203.8658 | comunicacao.tucuruvi@gmail.com

 

  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon

Jesus te ama

e eu também!

© 2013 by MINISTÉRIO DE COMUNICAÇÃO